100 MYTOS

3.08.2006

Cansado...



Cansado até os deuses que não são


Cansado até os deuses que não são...
Ideais, sonhos... Como o sol é real
E na objectiva coisa universal
Não há no meu coração...
Eu ergo a mão.

Olha-o de mais, e o que ela é não sou eu.
Entre mim e o que sou há a escuridão.
Mas o que são isto a terra e o céu?

Houvesse ao menos visto,
Visto que a verdade é falsa,
Qualquer coisa verdadeira
De outra maneira
Que a impossível certeza ou realidade.

Houvesse ao menos, sem o sol do mundo,
Qualquer postiça realidade não
O eterno abismo sem fundo,
Crível talvez,mas tenho coração.

Mas não há nada, salvo tudo sem mim.
Crível por fora da razão, mas sem
Que a razão acordasse e visse bem,
Real com o coração...

...


Fernando Pessoa

2 Comments:

  • Que bom o comentário de dias atrás estar salvo!

    Honra é toda minha ver meus links aqui!

    Belíssimo trabalho vens realizando, esta nobreza de editar um espaço para os magistrais poetas. Aliás, é preciso que se divlgue mais os grandes, os mestres! Uma humanidade que marcasse mais encontros com a poesia, e a reflexão traria benefícios diretos à alma do mundo.

    By Blogger Editor, at 5:25 da manhã  

  • Obtigado pela sua visita ao meu blog e comentário. Também permitiu conhecer este espaço interessante. Quanto à poesia e então Fernando Pessoa não é preciso palavras! Vou "linkar". Um abraço

    By Blogger looking4good, at 9:31 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home