100 MYTOS

4.04.2006

Agostinho da Silva



Em memória de George Agostinho Batista da Silva, professor universitário, filósofo, ensaísta e....poeta

.

.

Poemas soltos

.

.

Crente é pouco sê-te Deus

E para o nada que é tudo

Inventa caminhos teus.

...

Se Ele é o que dizes

Ele nada pode ser

E se nada, livre está

Para ser o que quiser.

...

Se Deus quisesse ocupar

Lugar a si mesmo igual

Preenchia todo o nada

E o deixava tal e qual.

...

Do que é o Espírito Santo

Só diga quem ficar mudo

Que palavra há que me leve

Áquele nada que é tudo.

...

Oxalá por saber tanto

Me apeteça ficar mudo

Só então vendo sem ver

Aquele nada que é tudo.

.

Agostinho da Silva

Nascido a 13 de Fevereiro de 1906, falecido a 03 de Abril de 1994.

1 Comments:

  • Sente-se o filósofo poeta, as construções, o pensamento, as dúvidas. Muito bom poema!

    By Blogger Editor, at 10:13 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home